Plantio de transgênicos no mundo cresceu 8% em 2011, revela estudo

Os Estados Unidos continuaram de longe como o principal país em cultivo de produtos agrícolas transgênicos em 2011, mas a adoção internacional da biotecnologia cresceu 8% ante o ano anterior, de acordo com um relatório divulgado nesta terça-feira (7) pela ISAAA, entidade que realiza pesquisas globais sobre o assunto.

Cerca de 160 milhões de hectares foram plantados com sementes transgênicas no ano passado, informou a ISAAA, que promove a adoção de biotecnologia.

As safras foram plantadas por 16,7 milhões de produtores em 29 países, contra 15,4 milhões de produtores em 2010.

“Eu fiquei um pouco surpreso com um crescimento tão forte quanto o registrado”, disse Clive James, presidente da ISAAA, ressaltando que a tecnologia tem avançado em países em desenvolvimento.

Segundo a organização, embora os Estados Unidos liderem o plantio de produtos agrícolas geneticamente alterados, com 69 milhões de hectares, a biotecnologia está sendo cada vez mais utilizada em países como BrasilArgentina, China, Índia e África do Sul.

Brasil
O Brasil, por sinal, é o segundo no ranking de plantações com sementes transgênicas, com 30,3 milhões de hectares.

A área plantada nos EUA cresceu 3% ante 2010. Já o Brasil, pelo terceiro ano seguido, liderou o crescimento global, ampliando a semeadura de transgênicos em 20%, segundo o ISAAA.

De acordo com o estudo, com um desempenho tão expressivo como este, o Brasil está sendo considerado um “motor” do crescimento mundial.

Anúncios

faça já seu COMENTÁRIO!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s